Escolha uma Página

Muitas dúvidas têm surgido em função da pandemia no que se refere às viagens, então trouxe aqui algumas perguntas que têm aparecido com frequência. Embora a gente tenha se esforçado ao máximo para trazer as respostas, considere-as sempre com cautela. As coisas mudam com muita frequência e, embora esta seja a realidade enquanto eu escrevo (início de maio), eu só garanto a última resposta. Confere aí e mande suas dúvidas também.

O quão limpo é o ar que você respira em um avião?
Em termos simples, o ar que você respira em um avião é quase certamente mais limpo do que o que você respiraria dentro de casa. Pode não ser tão puro quanto sair para a natureza, mas é melhor do que o ar presente em cafés, cinemas ou supermercados. Isso se deve aos eficientes sistemas de circulação de ar e aos filtros HEPA que são encontrados na maioria dos voos comerciais modernos.

O que significa filtro HEPA?
HEPA significa High Efficiency Particulate Air e é um tipo comum de filtro usado em aviões. O que esse filtro faz é essencialmente remover quaisquer impurezas do ar, não importando o quão pequeno seja, o que inclui os minúsculos mícrons de Covid-19. Na verdade, segundo uma pesquisa da NASA, os filtros HEPA removem impurezas desse tamanho com uma eficiência de 99,97%.

Estou vacinado(a). Posso viajar?
Que boa notícia saber que você está vacinado(a), mas em termos de viagem isto não muda muito. A grande maioria dos países segue fechada para nós brasileiros, portanto seguimos em compasso de espera. Eventualmente o fato de estar vacinado(a) pode facilitar no caso de eliminar a necessidade do teste PCR na hora do ingresso ou saída de determinado país, mas isto depende de cada governo.

Quais são os países que aceitam turistas brasileiros?
No início de maio, enquanto escrevo isto, os brasileiros podem ingressar nos seguintes países;  México, Costa Rica, República Dominicana, Egito, Sri Lanka, Dubai e Maldivas.

Preciso fazer o teste PCR para entrar nos países que aceitam turistas?
Sim, você precisa comprovar através do resultado negativo do teste de PCR feito até 72 horas antes do seu embarque. Não esqueça de se certificar que o laboratório escolhido vai entregar o resultado antes do seu embarque.

Se eu estiver vacinado(a), estou liberado do teste?
Isto depende de cada país e a tendência é que isto se torne prática comum, porém são poucos os casos por enquanto. Maldivas é um exemplo.

E se eu fizer quarentena, posso entrar nos EUA? E na Europa?
Sim,  fazendo uma quarentena de 15 dias no México você está habilitado a embarcar para os Estados Unidos, mas isto não vale para a Europa.

Só vale quarentena no México?
Não, pode ser também nos outros países que aceitam brasileiros, mas o prazo é igual (15 dias)

Ainda precisa de visto para entrar nos EUA?
A pandemia alterou uma série de coisas no que se refere às viagens, mas os vistos (e o passaporte) seguem sendo exigidos pelos países que assim o faziam antes da pandemia.

Meu visto para os Estados Unidos venceu, mas os consulados estão fechados. Posso viajar para lá?
Não, o visto é obrigatório e você vai precisar renová-lo assim que isto for possível.

Posso me vacinar nos EUA mesmo sendo turista? Em qualquer estado?
Sim, desde o final de abril a Flórida passou a vacinar as pessoas mesmo sem o comprovante de endereço, o que libera a vacinação para os turistas. Essa decisão foi tomada para facilitar a vida de residentes eventuais deste estado que não tinham comprovantes de endereço. Demais estados como Texas, Califónia e outros estão vacinando também, mas exigem um comprovante de endereço.

Posso escolher entre as vacinas oferecidas?
Nos Estados Unidos estão sendo oferecidas três vacinas: Pfizer, Moderna e Janssen. As vacinas podem ser obtidas nas farmácias e não há como escolher, a não ser que você descubra que determinada farmácia esteja oferecendo a vacina que você quer (o site da CVS informa qual unidade oferece qual vacina, mas o site não é acessado fora dos EUA). Isto é importante para sua programação, pois apenas a Janssen é dose única. As demais tem um intervalo de três semanas.

Preciso fazer o teste PCR para entrar de volta no Brasil?
De acordo com a legislação em vigor, segue a necessidade de apresentação de um resultado negativo do teste de PCR feito até 72 horas antes do seu embarque.

Já existe algum “passaporte de vacinas”? É verdade que a Europa não vai aceitar turistas vacinados com a Coronavac?
Com a retomada das viagens internacionais no horizonte, alguns países já começam a organizar internamente sistemas de passaportes da vacina que permitirão o livre trânsito entre algumas regiões. Com o avanço da ideia, porém, fica cada vez mais claro que a origem e o fabricante dos imunizantes pode ser determinante para permitir a entrada em alguns destinos. Com isso, pessoas vacinadas com imunizantes das fabricantes chinesas Sinovac Biotech, que produz a CoronaVac, e Sinopharm provavelmente serão impedidas de entrar na União Européia (UE), que não aprovou suas vacinas. Há um plano de introduzir o passaporte de vacina a partir de junho, o que permitirá a viagem de pessoas inoculadas ou recentemente recuperadas da Covid-19. De acordo com o rascunho do regulamento – sujeito às negociações em andamento entre os governos da UE e o Parlamento Europeu – decisão final sobre quais vacinas serão aceitas depende de cada um dos Estados-membros.

E isso também acontece nos EUA?
Sim, nenhuma das duas vacinas oferecidas atualmente no Brasil são aceitas pelos Estados Unidos. A Pfeizer começa a ser aplicada aqui, porém apenas nas capitais, por motivos de logística em função da refrigeração, e com um intervalo de três meses em vez das três semanas indicadas na bula.

E qual a importância de uma agência de viagens em momentos de crise?
Para viajar, sempre é altamente recomendado usar uma agência de viagens, ainda mais durante uma pandemia, pois as regras mudam o tempo todo e é preciso estar atento para não perder seu investimento. Imagina descobrir que você precisa um documento extra para sua viagem ou que o imunizante que você tomou não é aceito no seu destino. Suas viagens são um momento para relaxar, não resolver problemas, e seu tempo é muito valioso. Em vez de você ficar ligando e se incomodando com cada fornecedor, você manda uma simples mensagem para a sua agente de viagens e ela vai cuidar do que for necessário, fazendo de tudo para que você não fique estressado ou no prejuízo!